Pular para o conteúdo

Henrique Cukierman

Graduei-me em Engenharia de Sistemas pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro em 1977 e trabalhei na fabricante estatal de computadores COBRA S.A. de 1980 a 1986. Concluí o mestrado em Engenharia de Sistemas e Computação em 1997 e o doutorado em Engenharia Produção em 2001, ambos na COPPE/Universidade Federal do Rio de Janeiro. Fiz o doutorado sanduíche no Program in History and Philosophy of Science da Stanford University de 2000 a 2001.

Foi na pós-graduação que aproximei-me das ciências humanas e sociais ao mergulhar na pesquisa sobre a história da construção do Instituto de Manguinhos, que rendeu-me, além de dissertação e tese, o livro "Yes, nós temos Pasteur - Manguinhos, Oswaldo Cruz e a história da ciência no Brasil", publicado em 2007. Foi a partir dessa pesquisa que interessei-me pelos Estudos CTS (Ciências-Tecnologias-Sociedades), para os quais ciência e sociedade devem ser pecebidas não como distintas e separadas mas como resultantes de  um movimento de hibridação e "co-modificação", somente percebido por uma abordagem concomitantemente social e técnica, por um olhar sociotécnico. Um olhar que busca apreender as ciências e as tecnologias  sem fatorá-las em dualidades ("fatores técnicos" versus "fatores humanos, organizacionais, econômicos, políticos, sociais, etc.") que terminem por desfigurar o "pano sem costura" que imbrica o social e o técnico em um mesmo e indivisível tecido.

Sou membro fundador da Associação Brasileira de Estudos Sociais de Ciências e Tecnologias (ESOCITE.Br), que congrega os/as pesquisadoras dos Estucos CTS no Brasil. Na UFRJ, atuo na graduação como professor do curso de Engenharia de Computação e Informação (ECI) da Escola Politécnica e na pós-graduação como professor e pesquisador do Programa de Engenharia de Sistemas e Computação (PESC) da COPPE e do Programa de História das Ciências e das Técnicas e Epistemologia (HCTE).

Dedico-me especialmente à pesquisa em educação & Tecnologias da Informação e Comunicação (TICs), ao software enquanto uma construção sociotécnica e à história da informática no Brasil. Sou fundador do Simpósio de História da Informática na América Latina e Caribe (SHIALC), que se reúne bianualmente desde 2010. Fui apoiado pela Fundação Alexander von Humboldt para realizar pesquisas sobre a história da informática na Alemanha, ao longo dos anos de 2009, 2010 e 2014, junto ao Deutsches Museum e à Universität Konstanz. Sou coordenador da linha de pesquisa em Informática e Sociedade do PESC, fui coordenador da ECI (2012-2014) e Superintendente Acadêmico de Pós-Graduação da Pró-Reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa da UFRJ (2015-2016). No primeiro semestre de 2019, estarei na Universidade do Texas, em Austin, ocupando a UT-Fulbright  Chair in Socio-Cultural Tensions and Public Policies.

Henrique Cukierman is professor at the Universidade Federal do Rio de Janeiro with affiliations in the Systems Engineering and Computer Science Department, the Graduate Program in the History of Sciences and Techniques and Epistemologies, and the Computer Engineering and Information Department. He is the author of Yes, We Have Pasteur: Manguinhos, Oswaldo Cruz and the History of Science in Brazil (2007) . He has held visiting positions at Stanford University (2001–2002), the Deutsches Museum (2009–2010), and the Universität Konstanz (2009–2010) and is fellow of the Alexander von Humboldt Foundation.

E-mail: hcukier@cos.ufrj.br

Currículo: http://lattes.cnpq.br/5815607228657970